29.9.11

 

 

Tenho uma janela com vista para o prédio da frente, não sei se te lembras Harrieta.

Pois então, estava eu um destes dias a limpar a dita, quando ao passar o limpa vidros vejo a maior "pouca vergonha" que alguma vez pensei ver!

Não é que mesmo por cima da mercearia, está um grupo de estudantes (moças), que eu tinha como boas raparigas (pacatas), e quando olho, vejo uma delas com um rapaz na cama, a fazer coisas que nem naqueles canais de adultos, coisas que nem eu sei o que são, coisas que nem te passam pela cabeça mulher!

"Eu fiquei pra a minha vida"! Era ele por cima, ele por baixo, ela pra frente e pra trás, vira, revira, enrola, rebola, gira, torçe e eu sei lá... A mocita, que parece que vai pra freira, é mas é o diabo de saias! Ou melhor, sem elas! Sem elas e sem o resto, que aquilo devia ser p´rali um calor, que estava a ver que a cama pegava fogo e tudo!!

Eu a pensar que já tinha visto de tudo na vida! A pensar que com esta idade ninguém me ensinava nada... olha... aprendi mais naqueles minutos do que em toda a minha vida! Nunca pensei que a coisa se pudesse fazer de tantas maneiras diferentes! Baixei a persiana e fiquei a espreitar! Fiquei olha, quero lá saber o que te vai pela cabeça agora! Fiquei e pronto! Tu também ficavas! Deu-me cá uma raiva por já não ter aquela idade, que quando o espctáculo acabou, fui vestir o fato de treino e fui direitinha ao ginásio! Pedi para fazer a aula mais pesada que a minha idade aguenta! Dei-lhe com tanta energia que até sai de lá com as pernas a tremer...

Eu vou pôr-me em forma e vou arranjar namorado, vais ver! Quero pôr em prática os meus mais recentes conhecimentos e descontar o tempo perdido aha!!

Caramba! Quando era nova eu até nem gostava muito de fazer aquilo, porque era sempre tudo igual, chato e monótono e acabava depressa, e eu, ficava sem perceber muito bem se me tinha sabido bem ou se me tinha sabido a pouco, e depois, o Juvenal começava a roncar e eu ficava cheiinha de dores de cabeça... e quando foi do Lopes, olha, levantava-se logo, vestia-se e dizia que tinha outros afazeres. É que eu, pelos vistos, também era considerada um dos seus afazeres... Pronto! Ficaste a saber que foram dois... Caramba! Dois namorados até que nem é muito! Dois, mas não os dois ao mesmo tempo Harrieta!! Quando eu e o Juvenal terminamos, tive um namorico com o Lopes, mas não foi nada de sério... Se eu soubesse o que sei hoje, não me tinha era contentado com tão pouco e tinha mas é aproveitado a vida!

 

Despeço-me afoita e ainda nada recomposta com o que vi! Ai que não me sai da cabeça! Achas que posso estar tola Harrieta? 

 

Até amanhã,

 

G.

 

 

 

 

 

 

 

link do postPor A Velha Amarga, às 12:57  comentar

 
mais sobre mim
Setembro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
17

18
19
20
23
24

25
26
27
28


arquivos
2011

blogs SAPO